SINCLAPOL

Sindicato das Classes Policiais Civis do Estado do Paraná


Facebook SINCLAPOL Twitter SINCLAPOL Filiar-me ao SINCLAPOL
Policial Civil

COMPROMISSO COM O FILIADO

Em seu pronunciamento em vídeo aos filiados, o presidente do Sinclapol, Fabio Rossi Barddal Drummond deixou claro a sua preocupação em prestar os devidos esclarecimentos sobre a suspensão das eleições, através da liminar proferida pelo Des. Benedito Xavier da Silva suspendendo as eleições do Sinclapol até o julgamento do mérito de um mandado de segurança, impetrado por dois policiais civis.

Fabio Barddal deixa claro que todas as obrigações estatutárias determinadas pelo Des. Benedito Xavier da Silva serão cumpridas rigorosamente, ou seja, o trabalho da atual equipe do Sinclapol continuará sendo realizado em prol dos interesses da categoria até que seja marcada nova eleição com a sentença definitiva.

A equipe Sinclapol se coloca à disposição dos filiados para o esclarecimento de todas as dúvidas.   

 

 

SUSPENSÃO DAS ELEIÇÕES

O Sinclapol através de seu presidente, Fabio Rossi Barddal Drummond vem a público fazer a devida comunicação referente à suspensão das eleições.

Conforme decisão judicial, estão suspensas as eleições, entretanto foi através da mesma liminar, mantida a atual diretoria, bem como as responsabilidades e obrigações estatutárias até que se autorize a realização das eleições e assunção dos novos dirigentes.

NOTA DA COMISSÃO ELEITORAL

COMISSAO ELEITORAL DO SINCLAPOL

NOTA DE ESCLARECIMENTO

 

A Comissão Eleitoral do Sinclapol – triênio 2018/2021, representada pelo seu presidente, informa a todos os filiados que a eleição marcada para o dia 02.05.2018 foi suspensa por força de decisão liminar concedida pelo Desembargador Benedito Xavier da Silva no Mandado de Segurança n.º 0000554-1.2018.5.09.0000 impetrado por EZEQUIEL DE CAMARGO VENTURA e EYRIMAR FABIANO BORTOT junto ao TRT da 9º Região.

 A decisão tomada pelo Egrégio Tribuna Regional do Trabalho – 9º Região fundamentou-se na demora do deslinde do Conflito de Competência instaurado pelo juiz monocrático da 22ª Vara do Trabalho, que sem analisar a tutela provisória pretendida pelos Impetrantes, remeteu o feito para o Superior Tribunal de Justiça.

O departamento jurídico do Sinclapol, ao tomar ciência da decisão, interpôs imediatamente Agravo Regimental para afastar a decisão que suspendeu o pleito, de modo a manter a data da eleição já designada. Contudo, o Relator do recurso entendeu por bem manter a suspensão do certame, fundamentando-se na necessidade de se concluir a ação que discute a existência ou não de nulidade da inscrição da Chapa PCProposião de Verdade.

Cumpre frisar que a damanda judicializada pelas pessoas de Ezequiel de Camargo Ventura e Eyrimar Fabiano Bortot é manifestamente temerária e infundada, porquanto o indeferimento da inscrição da Chapa PCProposição pela Comissão Eleitoral pautou-se na absoluta legalidade, inexistindo qualquer vício ou irregularidade, e certamente será julgada improcedente.

Todos os atos da comissão eleitoral estão comprometidos com a mais absoluta ética e probidade, sendo que todas as decisões judiciais serão respeitadas visando sempre a garanta da lisura e a transparência do processo eleitoral do Sinclapol.

Por fim, comunico que por ora que a eleição ficará suspensa, sendo que a votação marcada para 02.05.2018 (quarta-feira próxima) não se realizará, e alerto que qualquer comunicação acerca das eleições do SINCLAPOL ficará restrita a esta Comissão Eleitoral, a qual tem a competência delegada exclusiva para disciplinar o pleito, ficando terminantemente vedado a outras chapas ou associados divulgarem informes sobre as eleições.

 

Curitiba, 01 de maio de 2018.

  

MARCELLO SOARES CEZARIO

Presidente da Comissão Eleitoral

 

Leia mais...

Secretaria de Administração Penitenciária

Confirmado nesta segunda-feira (30) pela governadora Cida Borghetti a criação da Secretaria da Administração Penitenciária. A Secretaria será comandada pelo coronel da Polícia Militar, Élio de Oliveira Manoel. A medida desvincula a gestão do sistema penal da pasta da segurança pública e irá tratar de assuntos relacionados às penitenciárias e unidades prisionais. O presidente do Sinclapol, Fabio Rossi Barddal Drummond e diretores do Sindicato estiveram presentes ao encontro, no Palácio Iguaçu. Para Fabio Barddal, o mais importante foi que a governadora disponibilizou para que tome pé da situação e haja com intensidade e força, o novo secretário de infra estrutura e logística, Abelardo Lupion. O secretário deixou claro que dará prioridade total à conclusão dos projetos iniciados na gestão do ex-governador Beto Richa. Alguns, segundo Barddal atrasadíssimos.

“Esperamos que esta promessa do novo secretário venha beneficiar os policiais civis e que efetivamente esses projetos sejam transformados em obras. Sabemos que há recursos para que essas obras sejam concluídas. Vamos acompanhar e cobrar o cumprimento dessas promessas,” diz o presidente.

Sem Custos Adicionais

A governadora Cida Borghetti, por sua vez, diz que a nova pasta não representa custos adicionais ao Estado já que será aproveitado a estrutura já existente. A ordem, segundo Cida Borghetti é acelerar as obras de presídios que já estão em andamento, iniciar a construção de novas unidades e reduzir o número de presos em delegacias.

Celas Improvisadas

Em uma cela improvisada, foi registrado um preso com problemas mentais. Uma vaga foi solicitada ao complexo médico penal, até agora, sem nenhum retorno. “Esta é a situação que se impõe ao cidadão paranaense”, diz o presidente do Sinclapol. Confira o vídeo abaixo.

Condições Precárias

Indignado com as condições precárias da Delegacia de Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba, o presidente do Sinclapol, Fabio Rossi Barddal Drummond disse que vai pedir providências ao Ministério Público. Segundo Barddal, o problema de Almirante Tamandaré não é o único. “Somos absolutamente contrários a esta situação perpetuada na Polícia Civil. Entra governo e sai governo e nada muda,” reafirma Fabio Barddal. Confira o vídeo abaixo.

AUDIÊNCIA PÚBLICA SOBRE O PARANAPREVIDÊNCIA

O Sinclapol está convocando a todos para uma Audiência Pública Sobre o PARANAPREVIDÊNCIA. A Audiência será no dia 07 de maio, às 9 horas, na Assembléia Legislativa do Paraná, Sala da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), 3º andar. O tema é de interesse de todos em prol do nosso futuro.

ALMIRANTE TAMANDARÉ: PRESIDENTE DO SINCLAPOL DIZ QUE SITUAÇÃO É DE ILEGALIDADE

Mesmo com a decisão válida desde setembro definindo a interdição da carceragem da Delegacia de Almirante Tamandaré, o espaço está superlotado novamente com a guarda de presos.

O fato gerou indignação ao Sindicato das Classes Policiais Civis do Estado do Paraná – Sinclapol, que há algum tempo vem denunciando a situação caótica com a superlotação de presos e o desvio de função a que estão expostos os policiais civis nas delegacias. Hoje a delegacia de Tamandaré tem 22 presos ocupando um espaço destinado a dois presos somente. Fabio Rossi Barddal Drummond, presidente do Sinclapol esteve nesta quarta-feira (25) no local e denunciou a situação crítica vivida novamente por aqueles presos e policiais. Confira no vídeo abaixo

Estado das Ilegalidades

Até quando viveremos esta ilegalidade, quando a administração pública vai tomar uma providência,” questiona o presidente do Sinclapol. Ele classifica a situação como insustentável.

Conseg São Braz inaugura setor de atendimento ao turista.

Autoridades do governo do Estado, deputados, policiais civis, militares, e municipais, representantes de sindicatos estiveram presentes, nesta segunda-feira (23) na solenidade de inauguração do Setor de Atendimento ao Turista, no 12º Distrito Policial, em Santa Felicidade.

A iniciativa é resultado de um trabalho desenvolvido ao longo de três anos pelo Conseg (Conselho Comunitário de Segurança) São Braz juntamente com a comunidade de Santa Felicidade e região e o apoio do Sinclapol. De acordo com o presidente do Conseg, Pedro Vidal, além das policias, civil, militar e municipal, esta delegacia contará com policiais bilíngues para atendimento aos turistas que circulam pelo bairro de Santa Felicidade o ano todo. Santa Felicidade foi classificado como o maior bairro turístico de Curitiba, através de Decreto Municipal expedido pelo prefeito Rafael Greca.“Será um atendimento especial com placas indicativas demonstrando que a delegacia está voltada também para o turismo. Vamos atender não somente a questão segurança, mas também todas as necessidades do turista,”diz Pedro Vidal. A redução da violência, em cerca de 40% foi outro fator importante em Santa Felicidade. Atualmente são registrados no bairro, apenas pequenos furtos.

Trabalho em Equipe

A solenidade de inauguração também contou com a presença do presidente do Sinclapol, Fabio Rossi Barddal Drummond, o 1º vice-presidente, Daniel Côrtes e o diretor de assuntos parlamentares, Rohanito Navarro de Goes.

A parceria do Sinclapol com o Conseg “São Braz” foi fundamental para as melhorias naquela unidade da policia civil, começando com a retirada dos presos e a desativação da carceragem do 12DP, reforma na estrutura da unidade e a conquista de uma delegacia com características diferenciadas.

O diretor de Assuntos Parlamentares do Sinclapol, Rohanito Goes conta que em 2015, em reunião com a diretoria iniciaram um projeto inovador para a classe policial, unindo esforços com a sociedade no sentido de

encontrar uma solução para as mazelas enfrentadas pela base da Polícia Civil e junto com a comunidade buscar uma solução, visto que a comunidade é a destinatária direta desses serviços.“Percebemos que o governo e a instituição eram omissos nas informações que repassavam a comunidade. Após a comunidade entender a gravidade dos fatos, cedeu espaço para o Sinclapol nas suas reuniões mensais. A partir disto, iniciamos um trabalho em conjunto, a comunidade percebeu que nossa única intenção era de ajudar a encontrar um caminho melhor para todos (policiais e comunidade).

No Conseg, São Braz, o senhor Pedro Vidal recebeu o Sinclapol com muito respeito e atenção para que pudéssemos levar informações extremamente importantes que os ajudaram a entender melhor as estruturas da PCPR e as condições pelas quais passam e vivenciam os policiais civis atualmente. Este trabalho é muito delicado e sério e deve ser conduzido por pessoas responsáveis.

A primeira semente germinou com a criação da delegacia voltada para o turista, não contemplando carceragens para a custódia de presos, que foi transformada em uma delegacia com atendimento digno para as demandas do cidadão e do turista e um local em condições dignas para os policiais desenvolverem seu trabalho com todas as estruturas necessárias.

O decreto que criou esta delegacia policial é claro, quando diz que ela é voltada para o atendimento ao turista. O Sinclapol vem assumindo a responsabilidade de superar as mazelas enfrentadas pela categoria de base. Já algum tempo e hoje tem como a mais forte aliada nessa luta a nossa sociedade paranaense ” diz Goes.

Secretário de Segurança diz atender demandas dos policiais civis.

Presente no evento, em Santa Felicidade, o Secretário de Segurança do Estado do Paraná, Júlio Cezar dos Reis disse estar “buscando as tratativas com o governo do Estado para atender as demandas dos policiais civis, inclusive uma recente proposta de alteração legislativa (ESTATUTO).

Estamos conversando com a Governadora, Cida Borghetti e com o líder do governo na Assembléia Legislativa,Pedro Lupion,” diz o Secretário de Segurança.

 

HOMENAGEM AO POLICIAL CIVIL DIA 21 DE ABRIL

No Dia do Policial Civil rendemos nossa homenagem a estes profissionais que exercem essa nobre e árdua missão de defender a sociedade e o cidadão de bem. Trabalhadores que estão à frente de uma atividade ainda pouco reconhecida por muitos segmentos. Confira a palavra do presidente do Sinclapol, Fabio Rossi Barddal Drummond.